11 de outubro de 2009

A Lenda #12 - Superstar Billy Graham

Atualmente, até mesmo em notícias, ou seja lá onde for, chamamos qualquer wrestler de Superstar, para você ter noção, assim como Shawn Michaels é considerado um superstar, o joãozinho da federação do escafundel de Judas também é considerado um superstar... Claro que há diferenças, nenhum wrestler de nenhuma federação no mundo será maior que Shawn Michaels, Triple H, entre outros medalhões da WWE... Tais medalhões, recebem meu conceito de Superstar, quando se pensa em luta livre, se pensa em Undertaker, Michaels, Sting, Kurt Angle... Há um tempo atrás, um bom tempo atrás, o termo Superstar não era tão vulgarizado como ele é atualmente, um Superstar realmente era A Estrela, e se é para falar de Superstars, por que não falar de um grande Superstar dos anos 70? Sim, eu venho trazer um pouco da vida do "Superstar" Billy Graham

O nascer:

http://live.onlineworldofwrestling.com/pictures/b/billygraham/18.jpg

Nascido no dia 10 de Setembro de 1973, Eldridge Wayne Coleman, no Vale do Paraiso, Arizona, o começo da sua vida fora um tanto quanto transtornado. Seu pai sofria de esclerose múltipla, e a situação financeira não ia muito bem, pra não dizer melhor, praticamente falidos. A situação ia se estendendo por um bom tempo, quando estava na quinta-série do colegial, seu irmão apresentou a Graham o Levantamento de Pesos, Graham pegou gosto pelo esporte e continuou levantando pesos por longos anos, tornando-se uma estrela no seu colégio. Logo então, Graham ganhou competições, venceu o campeonato americano junto ao seu time, e fez seu nome na faculdade. Tempo depois, Graham tornou-se evangélico, e a sua fé o moveu para a Califórnia, onde ele começou a treinar um jovem rapaz, austríaco, um cara comum, irrelevante... Ah, o nome? Arnold Schwarzenegger... Os dois se tornaram muito amigos, e começaram a ficar famosos naquela região. Graham tinha vários amigos, um deles então disse para Graham sobre uma boa maneira de ganhar dinheiro fácil, e honestamente... O nome era, Professional Wrestling. Graham não titubeou, e foi com tudo pro Canadá, onde ele foi treinado por outro cara comum, um tal de Stu Hart... É só uma lenda, né? Graham então lutou pela Hart's Stampede Wrestling, e viajou por muitos cantos da América do Norte, deixando inúmeros fãs pra trás, e divulgando cada vez mais este fenômeno que é o pro-wrestling. Graham era especialista em queda de braço, deixando um bom heat por trás deles, e logo tornou-se um heel. Mas logo Graham deixou o wrestling e foi para a liga canadense de futebol (americano?), e depois foi pro Arizona... Lá, Coleman encontrou Dr. Jerry Graham, a quem Coleman disse ter sido treinado por um wrestler, e Jerry Graham foi esperto e logo agendou vários shows promovendo Coleman. Foi daí que Coleman adotou a alcunha de Billy Graham, num kayfabe o qual Coleman pertenceria a família de Jerry, e formariam tag team... Bom isto, e inspirado num cantor evangélico, Coleman adotou o ring name de Billy Graham. Billy e Jerry Graham trabalham juntos em vários shows no Arizona, e depois eles foram pra Los Angeles, e usaram uma música evangélica, e Billy adotou o "Superstar" em seu ring name, tendo já o nome que lhe deixaria famoso por longas décadas, O Superstar Billy Graham, aquele que viera pra mudar o mundo do wrestling.

O florescer:

http://live.onlineworldofwrestling.com/pictures/b/billygraham/10.jpg

Billy Graham então se separou de Jery Graham e começou a lutar em São Francisco, ao lado de outras lendas do wrestling, como Pat Patterson, Ray Stevens, Peter Maivia, e Rocky Johnson. Graham formou tag team com Patterson, e eles tiveram uma longa rivalidade com Maivia e Johson, detalhe para que isto foi um bom período para que Graham se aperfeiçoasse no wrestling, ainda mais trabalhando junto de Patterson, que o monitorou e deu a ele o básico de piscologia em ringue, o tempo certo de atacar, e como trabalhar com o público. Um tempo depois Ray Stevens se mudou de São Francisco para Minneapolis, Minnesota. Stevens ficou impressionado com o talento de Graham, e o convenceu a trabalhar para a sua companhia, American Wrestling Association, alguém já ouviu falar nesta sigla? AWA??? Graham aceitou, e durante este tempo que trabalhou para a AWA, ele simplesmente revolucionou o wrestling. A começar que Graham estava com um passo gigante a frente dos outros wrestlers, naquela época os wrestlers não tinham um corpo muito definido, e Billy Graham foi o primeiro wrestler a ser um body builder, ou como preferir, um saradão, malhado. Se pegarmos Graham daquela época, e o colocarmos nos dias de hoje, garanto-lhe que pouca coisa mudou no que diz respeito a aparência, e até no seu jeito de lutar, fora este o principal fator que marcou o nome de Graham na história, Graham estava uns 40 anos a frente dos outros wrestlers. Os fãs ficavam impressionado com os seus músculos, mas não parava por aí. Graham começou a inovar cada vez mais, numa época em que os wrestlers apenas utilizavam as roupas comuns, Graham inovou utilizando shorts coloridos, bandanas, e etc. Graham inovou no que diz respeito ao Superstar Look... Mas não, não parou por aí, já estando anos luz a frente dos outros, Graham foi quem critou o estilo de promos em forma de entrevista, dando ritmo... Imaginem-se num show, onde tem dois caras com os mesmos trajes lutando... Você vai torcer para qual? O de sunga preta, ou outro cara de sunga preta? Mas agora... Pro cara de vermelho, ou pro de preto??? Billy Graham tornou-se uma fábrica de wrestlers, quem o acompanhou naquela época, se inspirou nele, e não há como negar, pode-se dividir a história do wrestling em dois períodos, antes de Billy Graham, e depois de Billy Graham. É verdade que no ringue ele não fazia muita coisa como alguns outros, porém ele conseguia entreter, e isto era outro fator a seu favor, que o tornou extremamente popular.

http://live.onlineworldofwrestling.com/pictures/b/billygraham/23.jpg

Em 75, já fazendo bastante sucesso, Billy Graham deixou a AWA e começou a trabalhar para Vince McMahon Senior, na recem formada World Wide Wrestling Federation, em Nova Iorque capital. Graham começou a trabalhar como heel, mas continuava a ganhar popularidade com seu imenso carisma, e os entretendo nas promos. No dia 30 de Abril de 77, Graham entrou na história mundial, vencendo Bruno Sammartino, tornando-se WWWF Champion, sendo este já o reinado de 4 anos de Sammartino. O ponto de transição entre o reinado de Sammartino para o de Graham marcou um ponto de mudança na história do wrestling. Graham agora não era apenas um superstar talentoso, ele estava também marcando seu nome na história. Durante o reinado de Graham, ele defendeu o cinturão contra algumas lendas, foram Bruno Sammartino, Ivan Putski, entre outros, porém a sua rivalidade mais famosa foi contra "The American Dream" Dusty Rhodes. Como já falei há um tempo atrás, Dusty também tinha um grande talento, e juntando esses dois talentos não tinha como sair coisa ruim. Rhodes era um dos principais nomes na Flórida, onde pegou o ritmo certo para promos, e para o ringue. Durante esta rivalidade entre ambos, eles apresentaram combates tanto em Nova Iorque quanto na Flórida, porém os combates mais famosos foram no Madison Squase Garden. O primeiro desafio pelo título provindo de Rhodes foi no Square Garden no dia 26 de Setembro de 77, e junto com a torcida de Nova Iorque, Rhodes venceu o combate por count-out, foi aquela alegria... Que veio a baixo quando foi anunciado que Rhodes venceu o combate, mas não é o campeão, porque só vence se for por pinfall ou submissão.... Rhodes então se irritou, e atacou seu inimigo, sendo este o tão lendário e famoso Dusty Finish - anotem aí, sempre que ouvirem esta expressão, foi por causa deste fato. Um mês depois de tal, Rhodes o desafiou para uma outra disputa pelo título, numa No Disqualification Texas Death Match, cujo qual ambos sangraram muito, segundo relatos, e Garden reteve o cinturão. Depois disto, Graham defendeu o cinturão frente a outros competidores, mas não fora o fim da rivalidade entre Graham e Rhodes.

http://live.onlineworldofwrestling.com/pictures/02/grahamdusty.jpg

Durante 10 meses, Billy Graham defendeu o cinturão inúmeras vezes, participando de praticamente 20 main events no Madison Square Garden para defender seu título, vencendo 19... Durante todo este reinado, Graham fora heel, porém ainda assim tinha muitos fãs, eram aqueles que amavam odiá-lo. Este seu reinado foi um dos mais longos reinados heels da história. Naquela época, os heels para receber heat utilizavam de táticas sujas, e derivados. Porém por outro lado, Graham foi um heel que sabia roubar a atenção dos fãs, sabia irritá-los, e tornou-se também o primeiro tweener, pois além de receber as vaias da torcida, ele também recebia vários aplausos.... Naquela época, os gerentes de wrestling não conseguiam explicar a reação da torcida perante Billy Graham, a não ser dizer que o Superstar Billy Graham era de fato um grande Superstar. Semana atrás de semana, mais e mais fãs começavam a gostar cada vez mais de Graham, e então Graham fez seu primeiro face turn, algo que Vince Sr. não estava muito bem preparado... Vince estava acostumado com o tradicional, faces vs. heels, faces vencendo honestamente, heels por táticas sujas, e assim se fazia, porém ele observou que enquanto campeão, a reação dos fãs foi muito maior do que quando Bruno fora campeão. Billy Graham estava preparado para seu face turn, porém McMahon Sr ainda queria usar um pouco de seu lado heel, enfrentando o all-american boy, Bob Backlund. Esta decisão não agradou a muitos na WWWF, nem mesmo ao filho de Vince McMahon, o atualmente conhecido Vince McMahon Jr. Mesmo assim, McMahon Sr. manteve-se firme e formte nesta decisão, e fez Graham perder seu cinturão para Bob Backlund no Madison Square Garden no dia 20 de Fevereiro de 78. Graham perdeu muito de sua imagem após perder o cinturão, e a dor da derrota continuaria a assombrá-lo por um bom tempo.... Enquanto manteve-se na WWWF, não por muito tempo depois, Graham aproveitou para encerrar sua rivalidade com Dusty Rhodes, numa Texas Bull Rope Match, no dia 28 de Agosto do mesmo ano, no Madison Square... Esta fora a última vez em que os dois eletrizaram o square gardem. Depois disto, Graham saiu da WWWF e foi para o Arizona. O mundo do wrestling nunca mais veria Graham como o conheceu.

http://live.onlineworldofwrestling.com/pictures/07/grahamhogan.jpg
O Superstar Billy Graham teve um reinado de 10 meses, após um longo reinado de 4 anos... Isto para aquela época era algo um tanto quanto prematuro, e isto afetou fortemente a vida de Graham. O antes evangélico, agora se aprofundou no mundo das drogas, e se acabou nele por dois longos anos. Mas depois de tanto estragar a sua vida, Billy percebeu que era a hora de voltar pro wrestling... Ele havia jurado pra si mesmo que nunca mais voltaria para a WWWF, de fato, agora era WWF, e o dono era outro, era Vince McMahon Jr, que o convenceu a voltar para este mundo. Porém Graham decalarou a todos que o Billy Graham que estava voltando não era o mesmo de 2 anos atrás, e isto foi perceptível aos fãs, que perceberam a sua diferença na gimmick, primeiramente que ele agora era um karateca, diferente do Superstar do passado, no ringue as coisas estavam de mal a pior, a única coisa que ainda manteve-se foram os musculos, porém não tão firmes como antes... Graham agora era um heel por completo, pois quem gostava dele, já não mais gostava, pois Graham abandonou o esporte, e quando retornou, apagou a imagem do passado. Não demorou muito tempo, e Graham recaiu no vício de drogas, e não durou muito tempo na WWF, apenas o tempo suficiente pra vencer Bob Backlund algumas vezes, mas já não apresentava condições físicas de ser wrestler, e logo largou a WWF novamente.

http://live.onlineworldofwrestling.com/pictures/b/billygraham/06.jpg


Graham partiu para a Eddie Graham Championship Wrestling, onde trabalhou ao lado de Kevin Sullivan, no Army's Darkness. Foi uma equipe com inúmeras citações satânicas, muitas mesmo, que fugiu da conta e Graham, ainda evangélico, largou a companhia e foi para a Carolina do Norte, trabalhar para Jim Crockett. Fora lá que Billy Graham ganhou gosto pelo wrestling novamente, e decidiu voltar a ser o Superstar Billy Graham, para isto Graham voltou a utilizar seu visual excêntrico, roupas coloridas, e frases maneiras. Ele raspou a cabeça, e deixou o cavanhaque crescer, e ficar loiro. Ele voltou a treinar, e ficou na sua melhor condição física possível, mas obviamente não iria ser o que fora no passado. Graham passou por uma revitalização na sua carreira, e retornou mais uma vez para a WWF. Agora um pouco mais velho, o corpo de Graham estava sentindo o peso da idade. Sua estadia na WWF teve pausas, pois ele precisou fazer algumas cirurgias, Graham tentou esconder os problemas, porém Vince Jr. fora compreensível o bastante, afinal, ele era um grande fã de Billy Graham... Coleman retornou aos ringues depois de um certo tempo, mas ainda não estava em condições de suportar as dores de uma luta. Então McMahon ofereceu à Graham um novo status na empresa, ele agora seria um administrador de wrestlers. Graham então seguiu como administrador por um bom tempo, até tornar-se ring annoucer... Porém, ocorreu outro problema com Billy Graham, que o forçou a abandonar a companhia, e entrar em depressão novanete.

http://live.onlineworldofwrestling.com/pictures/b/billygraham/12.jpg

Quando eu disse que Billy Graham mudou a história do wrestling mundial, eu não estou brincando... Graham entrou em drepessão e voltou a usar drogas, esteróides, e afins... E em 92, sua raiva pela WWF começou a ficar mais intensa, e então processou Vince McMahon Jr., por lhe forçar a tomar esteróides anabolizantes, que causaram a devastação de seu corpo. Como resultado disto, a imagem da WWF ficou completamente abalada, foi quando alguns wrestlers abandonaram a federação e partiram para a WCW, tais wrestlers fortaleceram a federação, que anos mais tarde viera a brigar cara-a-cara com a WWF. McMahon ficou extremamente enfurecido com Graham, tão verdade é, que ficou mais de 10 anos sem falar com o mesmo... E esse silêncio de 10 anos se encerrou quando em 2002 Graham se arrependeu de ter sujado a imagem da WWF, e pediu perdão para McMahon... Vince que sempre fora fã dele, e reconheceu toda a sua contribuição para o wrestling mundial, aceitou suas desculpas, e o trouxe novamente para a WWF. No SummerSlam de 2003, Graham foi até convidado a participar, ele também fora o primeiro a ser introuzido no Hall da fama da WWE, na WrestleMania XX. Deste esses dias para cá, Graham vem treinando jovens talentos, e feito palestras sobre como as drogas podem estragar a vida de um homem.... Se temos hoje Batista, Brock Lesnar, Bobby Lashley, e qualquer outro fortão, tudo começou por Graham, se hoje temos cores no wrestling, tudo começou por Graham, se temos hoje tweener, é graças a Graham também. Existiria então alguém capaz de cazer o mesmo que ele fez? Sim, existiria, mas Graham foi único, e sem ele, estariamos uns bons anos atrasados. Obrigado por tudo que fizera Billy Graham.

http://live.onlineworldofwrestling.com/pictures/b/billygraham/02.jpg

1 comentários:

Robson "War Machine" disse...

ótimo!

Postar um comentário

Gostou do artigo?

Então comente!

Obs: Ofensas, divulgação inapropriada e palavreado chulo não será tolerado.

 

©2009 Are you ready to wrestling? | Todos os direitos reservados