1 de julho de 2009

Randal's Voices #1 - Mudando para melhor?

Debutando aqui no Blog! Depois de uma longa resistência da minha parte, tentando me manter ausente dessas coisas de blogs, finalmente eu cedi as tentações, e eis me aqui. Para os que não me conhecem, já a algum tempo eu escrevo crônicas/textos em uma comunidade do orkut e talz. Lá, a aprovação era quase que unânime, e com um pouquinho de incentivo do Ricardo, resolvi me lançar para novos ares. Por isso estou aqui, para minha estréia. Não tenho muito o que falar, basta que leiam a crônica clicando em leia mais. Sem muito mais, Leia mais e enjoy it!



Mudando para melhor?
­

A três dias atrás, nossa querida WWE nos agraciou com o já tradicional PPV de julho: O The Great American Bash. O nível do PPV foi razóavel, as lutas, ao meu ver, tiveram resultado previsivel, nada muito surpreendente, exceto a luta pelo unified tag team champion. Ao meu ver, o maior destaque a ser feito está justamente no nome do PPV.
Oras, por que?



Porque o que antes era the Great American Bash agora é só The Bash. E eu não acho que essa mudança tenha sido feita porque a WWE tenha preguiça de colocar o "Great American" entre o "The" e o "Bash". O motivo alegado é que os Pay-Per-Views da empresa são algo de âmbito mundial, logo, o Great America deixava a coisa bitolada aos States. Talvez, sejá porque o Bash não é mais tão Great quanto ja foi. Enfim, uma desculpa relativamente aceitável... Se tivesse parado (ou começado) por aí.

Antes disso, tivemos a palhaçada com o One Night Stand. Sim, palhaçada. Deixando bem claro que sou um fã incondicional da ECW. Não daqueles "HardCore Caralho!". Não, eu apenas gosto de ECW, muito por causa do Tazz e do RVD. Não preciso dizer que a WWE está acabando com o nome da outrora gloriosa ECW, isso é uma coisa evidente. Essa queda vinha se arrastando ja por alguns anos, todo Draft era um pesadelo para nós, fãs do Extreme. Mas esse ano, veio o golpe de misericórdia, quando o tão querido (e tão marcante) One Night Stand teve seu nome mudado, assim, sem mais nem menos,para Extreme Rules. Extreme Rules! Desculpem a indignação, mas, qual é, Extreme Rules? O que a WWE queria com isso? Causar a indignação de fãs da ECW old-school, como eu? Derrubar uma das poucas referências que tinhamos aos anos dourados do Extreme? Se essa era idéia, conseguiram!

Depois da cacetada com o Extreme Rules e o The Bash não mais tão grande assim, vieram mais dois golpes diretos da WWE: o Cyber Sunday não seria mais tão Cyber e o No Mercy, bem... Eu diria que a WWE não mostrou misericórdia ao deixar claro que vai matar uma das Gimmicks mais geniais de todos os tempos. Vamos por partes, no melhor estilo "Jack, o Estripador". O Cyber Sunday teve seu nome mudado para Anihilation. Ainda não temos muita certeza do que isso significa, mas é quase certo que toda aquela temática interativa, com as votações e aquelas coisas que gostavamos, mesmo não votando, serão aniquiladas. É claro, existe a chance da Gigante McMahon queimar a minha lingua como tantas vezes ja fez, e nos agraciar com novidades surpreendentes, uma temática ainda melhor que a do Cyber Sunday e outras possibilidades, mas tendo em vista os acontecimentos dos protagonizados pela WWE nos últimos meses... Não não, acho que não vai rolar.

Se a mudança no Cyber Sunday não foi suficiente para deixar vocês apreensivos (e confesso que antes de uma reflexão mais profunda, eu mesmo não havia me preocupado), como reagiriam ao saber que a sua luta favorita, aquela gimmick match que você adora ver, aquela luta que põe fim a feuds lendárias, aquela luta que já foi encabeçada pelos maiores nomes da história do Pro-Wrestling... virou um pay-per-view?
Sim, isso aconteceu



O outrora No Mercy agora tem um nome um tanto quanto sugestivo: Hell In A Cell. !. !!!. !!!!!. !?!?!?!?!. A WWE agora tem um pay-per-view anual chamado Hell in a Cell. A primeira idéia que me veio foi a de um PPV inteiro só com lutas HIAC. Mas, passado o pânico inicial, me lembrei que o mundo só vai acabar em 2012, por isso ainda tinhamos um chance desse novo evento não ser uma desgraça total. Pesquisando um pouco mais o assunto, parece que teremos um show relativamente normal (assim como o No Mercy era, um pay-per-view sem uma gimmick forte), com um main-event disputado no dito playground do capeta.

Sim, agora todo ano, independente da draga que estejamos atravessando, temos mês, dia e hora para sentarmos na frente do computador e assistirmos a uma Hell in a Cell! Que mara!

Não, parem para pensar e verão que isso na verdade é uma droga.

Outrora, a Hell In A Cell era uma luta quase que mítica, algo que era guardado para ocasiões absurdamente especiais. Um verdadeiro trunfo dos bookers, e um verdadeiro deleite para os fãs. Agora, parece que a WWE quer vulgariza-la. fazer com ela a mesma lambança que fizeram com a Steel Cage! Daqui a pouco, teremos Hell in a Cell no Monday Night Raw, e depois Hell in a Cell no Smackdown! Quem virá a seguir? Teremos o Backlash como TLC e o Armagedon como Ironman?

A verdade é que eu torço fervorosamente para que eu esteja enganado. Torçamos, todos juntos, para que Hell in a Cell seja apenas um nome, e nada mais. Torçamos para que o Bash volte a ser grande, mesmo com o nome reduzido. Torçamos para que o Anihilation seja melhor que o Cyber Sunday. E se nada disso acontecer, torçamos para que a WWE perceba que não deu certo e não insista no erro. Torçamos para que os dias melhores venham!

E<>

3 comentários:

Lucas disse...

Grande cronista EMO!

Bem, eu também acho que a WWE vai acabar com a graça da Hell In a Cell se fizer um PPV apenas com ela. E pior que vai ser assim.

Podia ter falado do outro PPV, não lembro qual saiu para que entrasse o Breaking Point.

Quanto ao Cyber Sunday, só mudará se tiver uma gimmick no PPV, porque as votações tinham vencedor tão óbvio que era como se fosse bookado. As que não eram tão óbvias, a WWE armava.

De qualquer jeito, um PPV só com Submissions matches vai ser monótono e um só com Hell in a Cell vai perder a graça, porque se todas as lutas forem HIAC, provalvemente não haverá mais HIAC durante o ano, e uma feud merecedora da mesma, terá que esperar até lá ou acabar com uma simples Last Man Standing ou 3 Stages of Hell, quem sabe uma Inferno Match (sonho).

lorenα :) disse...

Grande cronista EMO! +1
Randal, sabendo qeu eu não sou uma mestre em WWE sua cronica foi um tanto interessabte... Acho que se o TioVince lêsse sua crônica e caísse a ficha dele, seria muitchu perifeito sabe... E espero que o The Bash volte a ser great com onome aniquilado -N

:.†.: | R | :.†.: disse...

Muito boa a crônica Randal! :D

O Extreme Rules foi uma mudança que ainda não me encaixou direito, eu entendo a mudança, One Night Stand (uma noite de exibição) não estava mais sendo um ONS, pra mim, só em 2005 e 2006 tivemos One Night Stand, mas o de 2005 foi inesquecível! Mas eles podiam ter mudado para outro nome, sei lá, qualquer um, menos Extreme Rules, pois de extreme não teve nada...

Bem, o pay-per-view de apenas Hell In A Cell Match vai ser estranho, eu acho que será apenas o Main Event, pois se for todos os combates vai esculhambar tudo, que nem fizeram com a Elimination Chamber Match (apesar desta ainda ter um brilho, mas é graças a Wrestlemania).

Além de tirar toda a graça do combate, isto é meio dos bookers não terem mais que pensar em algo decente e meterem qualquer merda guela a baixo numa Hell In A Cell... E é triste ter que admitir que este ano a Hell In A Cell será Orton vs. HHH... Pelo menos, que eles inovem...

Você podia ter falado também sobre o Breaking Point, mas este aí renderia mais pano na manga, enfim. Ficou muito boa a crôica!

Postar um comentário

Gostou do artigo?

Então comente!

Obs: Ofensas, divulgação inapropriada e palavreado chulo não será tolerado.

 

©2009 Are you ready to wrestling? | Todos os direitos reservados