30 de julho de 2009

Olhar Crítico #2 - Mataram o Extreme. Quem foi?

Salve! Salve! Algo que pouco tenho feito desde que fiz o blog é crônicas, então inspirado numa coisa bizarra que vocês podem conferir a seguir, eu crio a minha crônica de hoje... Vale apena, ou não...



Mataram o Extreme!!! Quem foi???
Vamos investigar...

Por vezes me pergunto: - Qual a finalidade de assistir um tipo de espetáculo de entretenimento que pretende ser uma luta, mas na sua grande realidade não passa de uma mera marmelada? Obviamente este meu pensamento vem à seguida de um episódio de Monday Night Raw, mas logo foge assim que me delicio com um show da “velha-guarda” dos tais malditos anos 90, ou então um show contemporâneo de alguma outra federação independente, ou até mesmo o bom strong style dos japoneses. Mas a minha indagação tem um certo fundamento, por que eu perco meu tempo vendo isto, enquanto Fedor destrói ringues e George St. Pierre alucina multidões? Ainda mais quando paro para olhar o saldo de tudo isto, a minha esquerda uma montoeira de tiozões na faixa dos 30, a minha direita um infindável mundo de crianças verdes da faixa dos 12. Então quando converso com uns sobre MMA e o assunto Lesnar vem a tona, é incrível, mas acredite, eles sempre falam o mesmo:” Eu via pro-wrestling quando era criança... É, me lembro de uns, Bret Hart, era meio gay, mas era massa... “(lê-se fortão usando rosa). Sempre depois destas boas conversas, pergunto-me: Eu sempre gostei de MMA, fazem já uns 4 anos que gosto de pro-wrestling, será que isto ficará no meu gosto para sempre? Eu gostava de novelinha infantil do SBT, e ainda gosto de pica-pau, qual será a minha relação com o wrestling? Aquela duradoura por fase, do tipo assim ta ligado, ou aquela duradoura por gosto, isto é clássico relíquia?

Por vezes em brincadeiras de colégio, no jogo de cartas, ou até nas teclagens de messener, todos me dizem: You’re crazy, quando não mudam a última palavra por outros apelidos, se fosse me basear neles meu nick era SCCP! Então quer queira ou não, eu acabo me importando com a opinião alheia, não sou do tipo que pergunta se a roupa caiu bem, até porque sei como me vestir, mas sou do tipo que te pergunta se minha crônica ficou legal, se meu cabelo está exagerado, e se meu gosto é decente. Pode parecer estranho, mas depois que vejo um combate de wrestling eu chego para um amigo e pergunto, ei parceiro, gostou da luta? Você gosta disto aí? Questões do tipo... Apesar das informações desnecessárias, agora você conhece um pouco de mim, sou difícil e não saio com qualquer um...[:p] Mas é o suficiente para você entender o porque de eu me importar muito com a opinião alheia, e algo incomoda o meu gosto profundamente, depois que eu vejo uma boa luta de wrestling, um combate que vejo ser capaz de trazer meus pais para este lado da força, eu mostro a eles, mas eu não sou besta, sinto que eles vêem o combate como uma obrigação de pai em auxiliar os gostos do filho antes que se desvie em drogas, então sempre volta a questão: Wrestling então é por fase? Meus pais assim enxergam isto? Será tudo mesmo uma relé fase adolescente que depois ignorarei com vigor e optarei por livros e filmes?

http://mob369.photobucket.com/albums/oo138/Ravens_Flock3352/The%20Sandman/dreamersandman.jpg

Então agora imaginem-se no meu lugar, eu tenho este gosto por enquanto e quero fazer com que meus pais gostem disto também, o que eu faço? Simples, mostro a eles os melhores combates possíveis, descartando as palhaçadas que encontramos, apesar de ironicamente meu pai ser fã do Hornswoggle e nas vezes que mostro uma luta para ele, a frase: Eu adoro o Umaga, Big Show, Undertaker, Batista, e esses caras fortões... E minha mãe sempre citar os adjetivos de Randy Orton e John Cena...

Não seria muito difícil imaginar o que eu faria agora se ganhasse na loteria né? Compraria uma casa em marte, obviamente. Mas por sorte nem todos são assim e no passado pudemos, ou ainda podem, sei lá, vocês que sabem se lêem o que eu posto aqui ou ignoram, enfim, não faz muito tempo tínhamos a louca ECW, assim dita por críticos, não só eles mas como também pelos fãs, ora bolas, como assim não é louco ver um homem subindo numa escada de 5 metros de altura e pular sobre o público? Está certo que agora vocês estão com aquele pensamento mark na cabeça “Ah, o Jeff Hardy fez pior em 2008, ele deu o vôo do anjo no matador de lendas”; “Ah, e o que o Shelton fez nas duas últimas Ladder Matches em que participou?”. Nem tiro o ponto da razão de vocês, mas quero logo salientar que isto não beira nem 5% do extremismo. Ok, isto pode até ser um pouco extreme para quem está acostumado a ver HHH vs Orton, mas não é o extremismo que foi a ECW...

Pensem agora vocês num trecho de combate:

“E Shinzaki sobe no turnbuckle, quando tentou aplicar algum golpe, Sabu o acertou com uns socos, e pegou impulso aplicando um hurancarana em Shinzaki, este que caiu e em seguida tivemos um louco homem aplicando um reverse frog splash, este era RVD, e seguiu para o cover, 1,2, near fall... Ambos seguiram o combate, e pouco tempo depois temos ali o time nipônico recuperando o controle, quando Shinzaki coloca RVD sobre uma mesa e então Hayabusa aplica um frog splash, indo pro cover, 1,2, 2,999... near fall. Outro spot da luta, foi Sabu colocando a cadeira próximo a corda, pegando embalo nas cordas opostas e pulando sobre a cadeira, depois pegando impulso nas cordas, e aplicando um suicide dive sobre os oponentes que se encontravam no meio da torcida.”


http://img233.imageshack.us/img233/3824/rvdrulez.jpg

Isto é apenas um trecho com os spots do combate, aliás, o mesmo você pode encontrar aqui no blog, na Extreme’s History #3. Isto é o extreme, sem contar que na mesma noite, momentos antes, tivemos Mike Awesome recebendo um driver to table incrível, ou então que momentos mais tarde Taz e Bam Bam Bigelow satisfizeram aos que gostam de fortões e gigantes, e protagonizaram um lindo spot quando Bam Bam tentou um bottom e Taz reverteu num DDT quebrando a rampa de acesso....

Por demérito meu ainda não mostrei tais combates ao meu pai, entretanto não preciso ser o gênio para entender que ele ficaria alucinado com tal e pediria por mais, mas meu pai não pode ficar viciado nisto, pois ele tem que trabalhar... E este não é só o meu pensamento, é também o pensamento da ECW, era o pensamento dos seus fãs, eles não queriam crianças em seus shows, por ventura vocês viam algum herói na ECW? Se virem, por favor, me corrijam! Pensem comigo, o cara está na faculdade, se matando de estudar, ou então um que tem seu típico trabalho estressante no escritório, ele merece algo melhor do que a pancadaria gratuita do futebol americano, e mais violento do que seu boxe de domingo, vamos fazer o Extremo para agradar a todos, e a nós também, pois somos extremos! Somos a Extreme Championship Wrestling.

Infelizmente tudo tem seu fim, e boas idéias nunca vão para frente, e sempre são boicotadas, a não quer que você tenha bastante dinheiro para mantê-las! E foi isto que aconteceu, neste meio período de ECW tivemos a revolução do wrestling por um modo geral, WWF ficou mais violenta, e com isto começou a existir a saudável competição entre ambos (lê-se ECW vs WWF), não era um Monday Night Wars, mas diria que era algo na mesma proporção de: “Ahá! Tirei mais que você na prova!”. Enfim, isto se foi... É passado, e quem vive de passado é museu, mas ainda assim eu adoro assistir combates desta velha-guarda dos anos 90, que como já disse, os mais antigos chamam de malditos anos 90, Kurt Cobain *, adolescentes ficando mais rebeldes, e por aí vai...

O rescaldo disto tudo foi o que comentei outrora, os tiozões dos 30 anos, que na época tinham os seus 20... Por isto é normal hoje em dia você encontrar por estas bandas os caras com 30 anos falando sobre o assunto, mas estes são em menor número, a grande maioria foi criada para ser extreme, assim como hoje somos educados para ser high tec. Enquanto nós nos inspiramos pelos celulares modernos e equipados, computadores alienígenas, e motos parecidas com os carrinhos daquele jogo F-Zero **, eles foram criados para ver algo violento... E vá, me diga, o que tem de violento hoje em dia no cenário do wrestling americano? Sim, quando falo de wrestling eu ignoro o cenário europeu, japonês e mexicano, eu estou vivendo num mundo americanizado, onde dizem para mim que japonês tem pênis pequeno, russos curtem death metal *** e mexicano é bigodudo. Até porque, o público americano é o mais complexo e interessante de se entender, se analisarmos os japoneses veremos de um modo geral pessoas sentadas batendo palmas depois de um spot, se analisarmos os mexicanos veremos algo semelhante com nosso público brasileiro, em partes, batendo palmas a cada acrobacia e tocando corneta quando o seu favorito está no controle... Mas os americanos são diferentes, é engraçado isto, uns vaiam John Cena, outros aplaudem Batista, uns torcem por Orton, e outros odeiam WWE, e sempre que vão aos shows de outras federações, eles incrivelmente não sabem gritar: War Angle, Let’s go Danielson, eles optam por gritar: TNA! TNA!, ou ROH! ROH! ROH!... Isto sem dúvidas é um rescaldo do que foi o público extreme do passado que gritava ECW! ECW! ECW!, mas nada irá se igualar ao que aquilo um dia foi...

http://www.digitalapocalypse.com/art/nin_13.jpg
O que importa é o sangue...

E o pior de tudo é que eu tenho razão, mas ainda assim existem pessoas que acham que isto pode voltar a acontecer, tem indivíduos por lotes que insistem em comparar a ECW com a atual, por Deus, vocês ainda não entenderam por que criticam os anos 90 e dizem que estamos numa nova era, a High Tec? E não falo de fãs, falo de pessoas da cadeira (lê-se chairman). Obviamente, nesta procura pelo extreme – adolescentes amam ver sangue, e outros sonham por ver sangue, dependendo do lugar de onde sai – eu encontrei a tal da CZW... É, Combat Zone Wrestling... Não só ela como uma amiguinha chamada BJW, Big Japan Wrestling. Também tem IWA e tudo mais, entretanto não quero me prolongar muito... A BJW é uma federação que pelas lutas soltas que vejo chega a ser perto do que foi a ECW nos EUA, eu vi um combate dia desses, era entre Ito, Sekimoto e Numazawa vs. Sasaki, Kasai e Hido (clique aqui para baixá-lo), e isto foi algo que me agradou, foi uma grande luta...

Eles começaram o combate com lâmpadas fluorescentes cercando o ringue, estando elas apoiadas nas cordas, ambos utilizaram as lâmpadas, sem contar um spot com mesa, arame farpado, e também muito wrestling para deixar qualquer um boquiaberto, foi algo digno de 4 estrelas ou mais.

Isto aí chega um pouco no mesmo patamar de algumas lutas da ECW, obviamente que na BJW temos muito mais sangue do que tivemos na ECW, não descarto as barbed wire matches, e o excessivo uso de arames farpados nos combates, mas sejamos sinceros, além de possuir todo um brilho por trás do combate, eles eram em menor quantidade do que as exibições aonde o extremismo do corpo ia além de doação gratuita de sangue, até porque, os melhores combates da história da ECW não contaram com a sanguinolência hardcoriana... Mas como disse, o público é outro, não tem graça, eu tenho esta imagem guardada na mente, e não creio que seja diferente disto, se estiver errado, por favor, peço que me corrijam.

Enquanto temos a tal BJW no Japão, imaginem-se que vocês estejam de pé, e do nada um cara quebre lâmpadas fluorescentes na sua cabeça? Ou então que não só uma, mas dezenas de lâmpadas formam uma mesa onde ele te apóia e quebra-a toda em suas costas, causando uma sanguinolência infindável? Isto é uma luta tradicional da BJW... Eu confesso que acho bonito os spots, até porque, quem vê uma tourada e não torce pro touro? Quem não quer ver o mocinho morrendo no final da história? Acredito que as moçoilas estejam lendo crepúsculo e aqui só tenham pessoas com bom senso, ou não... Mas como dizia da BJW, lá existem umas loucuras bizarras, não lembro quem foi que citou isto, nem quando e nem como foi a passagem, mas alguém me disse uma vez que num programa da BJW o cara enfiou um pedaço de vidro dentro da... É, da genitália da mulher... Ok, vamos voltar aos EUA...

http://img156.imageshack.us/img156/8278/necro29fh.jpg
Este é Necro Butcher.

Se tiverem a oportunidade, joguem “Necro Butcher” site:.megaupload.com no google e se divirtam... É, se você procura por lutas de wrestling, te garanto que você não encontrará, o que verás é um homem barbudo grampeando os outros, a efeito de muita cocaína se mutilando em ringue. Mas... WTF? Isto é wrestling? Qual é a graça em ver um retardado se furando no ringue? Eu sei que terão outras pessoas que irão me falar algo do tipo: ... Mas CZW não é só hardcore, tem também as lutas normais... É claro que tem, eu já até vi uma ou outra luta que acontece por lá, mas aí voltamos a uma questão muito debatida por todos...

Quem matou o Extreme?

É, os pirralinhos vão me responder assim: ”Ah, foi Vince McMahon que comprou a ECW e transformou ela num show pra criancinhas botando o anão pra dançar no ringue...” É, eu sei que tem gente deste naipe lendo isto, enfim, os mesmos conseguem algo mais surpreendente que esta resposta absurda... Mas na minha singela opinião o Extreme matou o próprio Extreme. Assim como McMahon disse: Bret screws Bret, eu digo: Extreme screws Extreme. Sinceridade, existem pessoas que não regulam... E o pior de tudo é que são masoquistas e além de inventar as doideiras eles a botam para si. Eu digo nitidamente do dono da CZW, cuja pronuncia me recordo, exceto da grafia. Dia desses, no ócio da vida, conhecendo um pouco da BJW e tendo em mente o que é a CZW eu me deparei com um evento chamado CZW vs BJW – Tarântula Deathmatch. O nome do evento me chamou a atenção... Depois de fazer o download do evento, que começo assistir... Meu Deus, que coisa foi aquela? Alguém pode me explicar?

Para ver tal evento, clique aqui.


Eu não me prestei a ver o resto por completo, fui adiantando as partes, confesso de imediato que a minha idéia central seria fazer um review do evento para publicar na próxima Extreme’s History, mas não, a rubrica possui ótimos artigos de ótimas eventualidades que contam o saldo positivo do extreme, pode ser que eu caia no clichezão de contar alguns episódios do New Jack, mas isto não muda os fatos, por acaso na ECW você via um retardado afundando a cara do outro dentro dum viveiro de aranhas? Sendo estas as tais tarântulas? Ou então, por acaso você via um homem enfiando uma lâmpada quebrada na sua testa o fazendo sangrar?

http://img128.imageshack.us/img128/4177/fsda.jpg
Este se daria bem num hotel...

Eu sei que muitos agora devem achar que é extremismo meu, mas fica só uma passagem do filme The Wrestler.

E estava Ram Jam nos bastidores se recuperando da luta, seu corpo fragilizado pelo seu recente combate não agüentara a pressão da luta, foi exibido trechos do combate, vimos Rock’n Roll (na verdade, Necro Butcher, rs) grampeando seu corpo, outros trechos dele caindo sobre mesas de vidro, e as abençoadas lâmpadas fluorescentes, e como saldo final, Ram Jam se dirige ao banheiro, mas na entrada ele vomita, e acaba caindo sobre o vômito, tendo uma parada cardíaca.

Está certo que a cena se decorreu pelas drogas que Ram Jam já vinha utilizando, mas agora eu te pergunto, você, sendo agora um pai de família e outrora adolescente maluco que ia a shows da ECW, você em alguma hipótese deixaria seu filho visitar um ambiente destes, onde o lutador já entra a base de drogas? Não que a ECW fosse perfeita, qualquer dia desses mostro uma cena épica para vocês, onde Sandman bebeu tanto que ficou bêbado a ponto de se esquecer do que fazer no combate, e também rolavam uns bacanais nos bastidores, mas era tudo recompensando com grandes combates, acrobacias de Sabu, spots impar de RVD... E hoje? O que vemos? Um velho louco a se grampear, a atear álcool sobre o corpo? Uma luta chamada Cage of Death, onde até morreu lutadores? Não questiono nem ao fato de você deixar ou não sei filho visitar um lugar desses, mas agora te pergunto, que imagem isto vai refletir de um modo geral? Mataram o extreme, e quem é o culpado? Vai ver sou eu que perdi meu tempo escrevendo abobrinha...

Referências:

* - Kurt Cobain era o vocalista do Nirvana, ele era... Digamos assim, piradinho... Até demais... Ele era um cara extreme...
** - Dêem uma olhada no google, pesquisa só pelo F-Zero, um jogo para super-nintendo que depois foi para o Nintendo 64 e não sei se ainda vive...
*** - Russos curtirem death metal? Não, é que eles são mal encarados, from hell...

7 comentários:

*_Tritur_* disse...

Excelente artigo Ricardo

Já vi alguns combates da CZW qndo tinha o uploader no AWP e gostei muito dos combates tanto eh q acabei por fazer downloads de alguns qndo o uploader saiu... mais pois bem voltando ao artigo nao sou muito fã de Extreme mais como dizem a WWE eh a empresa do "Enterteinment" (deve estar errado mais sacou oq eu quis dizer neh?) nao do "Extreme".

Astrixification disse...

Acho que com a nova política da WWE tá quase impossível de se ver novamente o Extreme na empresa. O estado da ECW hoje é deplorável em relação ao Hardcore... Acho até que deveriam mudar o nome de "Extreme Championship Wrestling" pra "Entertainment Championship Wrestling".

The Shockmaster disse...

eu acho que devia se chamar "Ellus Championship Wrestling", pois o lutadores se parecem modelos aliciados pelo o Sr. Dreamer...

The Shockmaster disse...

Comentário sobre o texto:

Sei lá Ricardo, ver luta hardcore extremo pra mim é que nem musica, vários dia você curte um "Toquinho" e um dia quando está puto quer ouvir um "Slayer"!

Necro Butcher é lokão!!! Fuma uns beck e vai lutar...Ainda ancho que nos eventos dele você compra um ingresso e ganha uma "bucha"...KKKKK

Admiro ele pois foi um dos caras que mudaram o wrestling...Acho que ninguém saberia o que é CZW se não fosse por causa de loucos com ele...

T-BAG disse...

Opa, terminei de ler agora só, ficou bom, bem escrito.

Parabens velho...

Matheus disse...

Muito boa a crônica Ricardo!

E você tem razão ao perguntar que imagem isto vai refletir, nunca fui muito fã do Extreme, prefiro muito mais Wrestling, não vejo graça em pessoas se batendo com armas.

Anônimo disse...

eu ia falar mesma coisa q o Matheus
não gosto de ver lutadores sangrando e se mutilando dentro de um ringue
eu gosto de ver lutadores com uma ótima técnica aplicando golpes q não possam matar o outro

Postar um comentário

Gostou do artigo?

Então comente!

Obs: Ofensas, divulgação inapropriada e palavreado chulo não será tolerado.

 

©2009 Are you ready to wrestling? | Todos os direitos reservados